CERTEZAS… NÃO APENAS PALAVRAS!!
Através dos nossos testes efetuados no campo foi estabelecido:
1 - BAIXO CONSUMO: economia de até 30-40%
2 - Notável AUMENTO da PENETRAÇÃO
3 - REDUÇÃO do TEMPO de DEPOSIÇÃO de até 40%
4 - UNIFORMIDADE de DEPOSIÇÃO
5 - INEXISTÊNCIA de FISSURAS
6 - INEXISTÊNCIA de “QUEIMADURAS”
Produto inovador obtido após 3 anos de estudo e desenvolvido nos estabelecimentos
dos nossos clientes: é o retificador switching ELETROPULSADO.
Trata-se de um alimentador cuja patente industrial foi há pouco depositada (6 de outubro de 2009) e nasceu da experiência da nossa empresa no projeto e fabricação de retificadores de corrente no setor do tratamento de superfícies.

TESTE VISUAL:
O teste visual da deposição de cromo (fissuras) estabeleceu a inexistência de bolhas de ar e
uma deposição compacta e aderente ao metal de base. Foram feitas fotografias aumentadas
200 vezes que deram os resultados indicados abaixo.

TESTE DE MICRODUREZA:
O teste de micro dureza da deposição de cromo foi realizado com cinco medições de micro dureza
Vickers com carga de 300 g, segundo a norma ASTM E 384. O valor médio medido foi 950 HV.

TESTE DE FRAGILIDADE POR HIDROGÊNIO:
O teste de fragilidade por hidrogênio foi efetuado em cinco amostras segundo a norma ASTM F 19.
As amostras, após a cromagem, foram submetidas a um tratamento térmico de esidrogenação
a 191 °C durante 10 horas, segundo a especificação ASM2406. Em seguida foram submetidas
aum teste de resistência à tração de 200 horas de duração sob uma carga constante igual a
75% da carga de ruptura das amostras antes da cromagem. O teste de fragilidade foi
concluído com êxito positivo.

R.S.A.T.P. RETIFICADOR ELETROPULSADO DE ELEVADA ECONOMIA ENERGÉTICA
UMA SOLUÇÃO INOVADORA, PATENTEADA E DE ÓTIMOS RESULTADOS:
O QUE O MERCADO ESTAVA ESPERANDO


O ALIMENTADOR ELETROPULSADO RCV obteve resultados bem superiores aos observados utilizando um outro qualquer retificador tradicional, inclusive os observados com a utilização de alimentadores switching “pulsados” presentes no mercado.
Todos os clientes/parceiros que experimentaram este tipo de alimentador obtiveram  exemplos superiores à expectativas. Em todos os casos, com este novo alimentador, o tempo de deposição de cromo seis (quer decorativo, quer de alta espessura) diminui em média 40%, a fissuração resulta praticamente INEXISTENTE e, sobretudo, consegue-se finalmente fazer a cromagem de peças que apresentam gargantas profundas e/ou pontos ocultos aonde são extremamente difícil chegar.

EXEMPLO DE CROMO DECORATIVO
Na usinagem – realizada com metodologia e equipamentos padrão – de uma peça de forma circular de 300 mm de diâmetro, com um furo na parte central de 30 mm de diâmetro, a  espessura do cromo na parte mais externa era normalmente igual a 0,032μ, enquanto nas proximidades do furo central era igual a 0,014μ; o tempo necessário para a usinagem era 3 minutos e 20 segundos a 6,5 V.
Com O ALIMENTADOR ELETROPULSADO, trabalhando com um tempo de usinagem de 3 minutos e uma tensão de apenas 5,2 V, na parte externa a espessura passou para 0,045μ, enquanto nas proximidades do furo central passou para 0,038μ!
Este resultado foi verificado com um instrumento de medição de raios X da FISCHER, diretamente no estabelecimento do cliente, que posteriormente substituiu o retificador existente pelo retificador de nova geração da R.C.V.

EXEMPLO DE CROMO DE ALTA ESPESSURA
Um exemplo é a cromagem de uma peça difícil de tratar para obter uma deposição de 100μ.
Com um retificador de tipo tradicional esta espessura era alcançada em 12 horas. Após a instalação do ALIMENTADOR ELETROPULSADO, o tempo para obter 100μ diminuiu para 8 horas com uma economia energética calculada em 240 kW para cada peça tratada.
A fissuração resultou inexistente e a uniformidade de deposição melhorou significativamente.
Outro fato adicional a favor do ALIMENTADOR ELETROPULSADO é a eliminação do efeito “queimadura” que geralmente ocorria com os retificadores convencionais. No passado, para poder penetrar nos pontos mais ocultos e difíceis de alcançar, "realizava-se um pico de tensão", mesmo durante poucos segundos. Este modo de trabalho permitia depositar o cromo nos pontos mais difíceis mas, bastante frequentemente, criava-se o efeito “queimadura” em algumas zonas da peça tratada (pontos de alta densidade de corrente). Para poder remover este defeito, era necessário efetuar uma operação de “polimento” que causava uma notável perda de tempo e, consequentemente, um aumento do custo do produto final.
Com O ALIMENTADOR ELETROPULSADO, este problema foi definitivamente solucionado: não é mais necessário efetuar o pico de tensão, pois a penetração do cromo reveste totalmente a superfície tratada mesmo nos pontos mais difíceis.
Os trabalhos são realizados com uma tensão (volt) inferior à tradicional, e isto garante uma economia de energia suplementar e impulsiona uma atitude responsável da empresa face ao ambiente, mesmo no que diz respeito a pequenos detalhes.
Quando se pode escolher, escolhemos o melhor... O ALIMENTADOR ELETROPULSADO!!

alimentador switching eletropulsado de 14.000 A 15 V inversão de polaridade
para cromagem de alta espessura.
OS RESULTADOS.